Cidades Brasileiras com transporte coletivo gratuito

quinto_ato_MPL_mídia_ninja

Se enganou quem achava impossível ter um transporte gratuito e de qualidade em nosso país. Algumas cidades nos mostram que com políticas públicas bem implementadas essa realidade não precisa ser algo do futuro. Obviamente que para cada cidade é necessário uma adaptação personalizada a suas necessidades.

Na gestão de Luiza Erondina como prefeita de São Paulo em 1990, o secretário de transporte Lúcio Gregori sugeriu para a cidade o projeto “Tarifa Zero”, a ideia seria direcionar parte do IPTU pago pelos cidadãos para o “Fundo de Transporte”, dessa forma os pagamentos seriam proporcionais a renda de cada contribuinte. Por gerar um aumento no IPTU o projeto foi negado.

Alguns municípios brasileiros que isentaram a tarifa do transporte público em suas regiões arcam com os custos de execução do sistema sem ajuda de empresas privadas. Cidades como Porto Real, no Rio de Janeiro, Ivaiporã, no Paraná e em Agudos no Interior São Paulo, a isenção da tarifa já faz parte do cotidiano da população.

O mais importante é que a pauta precisa ser discutida, e todas as formas de melhoria analisadas. Gritos já estão sendo suplicados nas ruas, nos muros e nas redes sociais. Os benefícios gerados por um transporte eficiente são inúmeros. Em média cada paulistano gasta hoje 3 horas do seu dia se locomovendo em um transporte falido, de má qualidade, além de pagar mal aos funcionários cobrando dupla função de motorista/cobrador, enquanto a população sofre as consequências de um descaso generalizado por parte dos nossos governantes, eles fazem festa com o dinheiro público.

Foto: Mídia Ninja

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s